Preto e branco com graça e personalidade.

banner_preto-branco

Vivo observando pelas ruas a quantidade de pessoas que usam preto e branco. Mais que isso, usam preto e branco porque é fácil, porque não erro. Ledo engano! A porcentagem das pessoas que estão bem vestidas em preto e branco é muito pequena. Simplesmente porque a combinação não favorece todos os biotipos, na maioria das vezes achata e fica ainda faltando alguma coisa que dê tempero ao look.

Entendendo o PRETO e o BRANCO.

Quando alguém opta por vestir Preto e Branco, está na verdade vestindo cores. Sim! As pessoas não percebem que não estão coordenando peças e sim coordenando cores. Por isso é importante saber o valor das cores escolhidas.

O preto é escuro e absolutamente fechado. Ele diminui visualmente as partes que cobre. O lado bom é que o preto pode ajudar a disfarçar o que você não quer evidenciar. A parte ruim é que, se você não se atentar a isso, pode estar escondendo exatamente o que deveria evidenciar!

O branco é a ausência de cores. Limpo, leve e claro ao extremo, ele evidencia a parte que cobre. Sendo assim, a mesma vantagem e desvantagem que citei do preto, vale para o branco.

Quando juntamos preto e branco, as cores dividem sua silhueta em 2 partes evidentes. Muitas vezes a pessoa usa o preto para esconder o que deve, e o branco para evidenciar o que não deve. Se a pessoa for baixa, soma-se a isso o efeito achatador. E por ultimo, falta interessância no look que cai na obviedade.

 

Mas não tem como fazer um look preto e branco legal? TEM SIM, CLAROOO!

 

Dicas para enriquecer e encher de graça o look preto e branco.

1 – Coordene com ESTAMPAS PB: você pode usar uma estampa para quebrar a monotonia ou misturar peças com estampas pretas e brancas. Vale estampas figurativas (bichos, laços, flores…) e grafismos (bolinhas, listras, xadrez) – escolha uma com desenhos mais amplos e uma mais miúda, para não brigarem entre si.

2 – Acrescente peças METALIZADAS: sapato, cinto, colar e até jaqueta, casaquinho ou blazer. O metalizado vai acrescentar um brilho, que dá aquele charme que falta ao PB.

3 – Acrescente PONTOS DE COR: acessórios ou peças coloridas quebram o PB e enriquecem. Pode ser a bolsa e um colar, um cardigan e o sapato, lenço e a bolsa. Tente colocar cores da mesma familia, cores vivas (vermelho e azul) ou cores escuras (vinho e marinho) ou neutras (verde militar e mostarda).

4 – Some TEXTURAS: na hora de escolher o preto e o branco, enriqueça o look misturando peças com texturas diferentes como brim e seda, couro e renda, algodão e paetê.   A mistura de tecidos trazem caimentos diferentes e acrescentam interessância.

As dicas acima podem ser usadas isoladas ou coordenadas. Tudo depende do seu estilo. Para ajudar com a questão do biotipo e do possível achatamento, anote a dica de ouro: marque sempre a cintura colocando a blusa para dentro ou prendendo parte da blusa na cintura e use a peça branca na parte do corpo que você prefere valorizar!

Agora é hora de treinar com suas peças em casa. Se quiser aprender mais sobre mistura de estampas, que também vale para a mistura PB, clique aqui. Se tiver dúvidas, mande suas perguntas, AMO responder e acrescentar mais sobre o tema para ajudar a todos ; ))))

 

Continue Reading

Up nas sobrancelhas em casa : )

Desenhe suas sobrancelhas em casa

Algumas pessoas me perguntaram recentemente o que eu fiz nas sobrancelhas.  A resposta é curta:  nada!  De fato eu não fiz nada definitivo, além de tirar periodicamente no salão como sempre e contornar em casa, com maquiagem.  Sei que existem excelentes soluções, como Sobrancelha Definitiva, ou Sobrancelha Fio a Fio, mas o fato é que sempre tive medo dessas coisas que a gente faz e tem que conviver com o resultado gostando ou não.  Na cara então, MORRO de medo!  E para acrescentar um ponto negativo nesta equação, sou loira e tenho a impressão que para o tom mais claro, a tal da sombrancelha definitiva é mais difícil de fazer e ficar bom.

Outro ponto a se pensar é a real necessidade de investimentos para fazer a sua sobrancelha ficar “perfeita”.  Sim, a sobrancelha é superimportante porque ressalta a expressão do rosto, a sua expressão, aquela que nasceu com você.  Enfim, espero que entendam que eu apoio todo processo que ajuda a elevar a sua alto-estima e segurança.  E questiono os excessos.  Defendo neste caso, uma solução mais natural, mais home made, que realça a “belezura que Deus te deu” sem inventar uma nova, que não é sua!  Pá!  Sacou?!

Quanto mais natural sua sobrancelha for, melhor.  Cuide, contorne, destaque a curvatura, mas não tente mudá-la!

O que eu aprendi a fazer não precisa de curso, nem de habilidades especiais.  Aprendi a preencher a sobrancelha em casa com sombra e pincel.  A solução é ótima, barata e sai com demaquilante.

Olha, “desculpa ai” se não estou contando uma super-novidade.  Sei que muitas mulheres já fazem isso há trocentos anos.  Mas como recebi perguntas e elogios, achei bacana compartilhar com aquelas que como eu, não são tão ninjas da make assim : )  kkkkk

 

Algumas verdades que eu aprendi sobre sobrancelhas:

1 – Não caia no desejo de tirar muito suas sobrancelhas, porque elas param de nascer com o tempo e você pode se arrepender!  Por isso que têm tantas velhinhas com sobrancelhas desenhadas no lápis.  Elas tiraram TANTO a vida toda, que acaba.  Tire só o excesso para dar aquela desenhadinha básica.

2 – Tire aquela pinça que você deixa no carro para “limpar” a sobrancelha no farol!!!  rs  Um monte de mulher faz isso (eu fazia).  Isso é um vicio louco e só vai levar você a depenar suas sobrancelhas lindas.  E ainda bater o carro.

3 – Existem produtos de maquiagem especiais para a sobrancelhas, mas se você tiver uma sombra no tom certo, não precisa gastar dinheiro com isso.

4 – Tenha um bom pincel.  O mais recomendado é o chatinho e angulado, mas você tem que ver o que funciona melhor pra você.  Eu uso dois:  o chatinho reto quando quero um resultado mais design e o roliço curto quando quero resultado mais natural.

5 – Sobrancelha fininha não é mais tendência (graças a Deus).  Deixe suas sobrancelhas mais marcadas e cheias, você vai ficar mais expressiva, mais natural e de quebra, mais na moda! rs

6 – Por ultimo, também dá certo com lápis!  Ache um lápis no tom certo, contorne e depois passe o dedo de leve, para deixar mais natural.

Uso o pincel chatinho para contornar e desenhar.  O roliço eu uso para preencher.  Quando quero fazer rapidinho e deixar mais natural, uso só o roliço : )

pinceis

 

Eu faço assim:

• Periodicamente tiro os excessos no salão, com profissional de confiança.

• Tenha uma sombra ou pigmento para sobrancelha no tom dos seus fios.  E um pincel chatinho e/ou roliço.

IMG_0651

• Comece pela parte mais grossa, desenhando a base no centro do rosto, preenchendo os espaços dos seus pelos.  Minhas sobrancelhas,  por exemplo, são mais separadas do que eu gostaria.  Então eu aumento com o pincel, pigmentando no lugar onde quero que ela comece.

• Com o pincel chato reforce o contorno e a angulação de acordo com a sua preferência.  Depois, passe o dedo de levinho para dar uma esfumada e deixar o resultado mais natural.

• Pronto!  Só não vale esquecer e coçar durante o dia.  Sai tudo, hein.

 

 

 

 

Continue Reading

Minha 1ª semana de Roupateca. Veja como foi.

Blusa da Giuliana Ronano disponível na Roupateca

Há uma semana fiz um post sobre a Roupateca, o 1º Guarda-Roupa Compartilhado de SP. Se você não viu, demorou, clica aqui. Resumindo, fiz uma assinatura de R$200/mês, onde posso retirar 3 peças por vez e trocar quantas vezes quiser. E estou aqui para contar como foram estes primeiros dias.

Logo que fiz a assinatura peguei: 1 Calça da A.Farra estampada, uma Camisa da Adriana Barra estampada e um Kimono preto e branco super versátil.

A calça foi paixão a primeira vista, amei a estampa e como tinha certo bloqueio para calças estampadas, peguei exatamente para tirar a trava. Com a calca eu devo ter feito uns 3 looks diferentes – nem queria devolver! Kkkk A camisa eu usei 2 vezes. O Kimono eu usei no fim de semana e depois troquei por uma blusa mostarda para ir numa exposição, a SP Art.

Impressões da 1ª semana de assinatura Roupateca:

  • Gostei de ter peças “novas” no guarda-roupa.
  • Gostei mais ainda da ideia de saber que na semana que vem terei outras peças “novas” para usar.
  • A ida até lá funciona como um refresco no meu dia. Trabalho perto, o que ajuda bastante.
  • Dentro da ideia de comprar menos, a Roupateca me alimenta, trazendo novidades sem que eu tenha que gastar mais do que já destinei para isso.

Acabei de trocar as 3 peças destas fotos por outras 3! Peguei outra calça estampada, um vestido (lindo) e uma blusa estampadinha.  Acompanhe no instagram (eu sempre identifico quais são da Roupateca). Terça-feira que vem tem outro resumão da semana aqui no site pra vocês : ))))))

Quem quiser conhecer, a Roupateca é parte da House of Bubbles e fica em Pinheiros, na Rua Virgílio de Carvalho Pinto, 61.

Continue Reading

Roupateca. O 1º guarda-roupa compartilhado de SP

No fim de semana usei a calça da A.Farra com regata e xale da Rosa Chá.  Estou in

Sabe a calça linda da foto aí de cima?  É da A.Farra by Adriana Barra, disponível na Roupateca!  Siiiiiim, você pode usá-la também.  Você já ouviu falar em guarda-roupa compartilhado? Este é um conceito já explorado na Europa, que finalmente chegou aqui em SP, com a Roupateca da House of Bubbles. Pensa numa livraria, que você tira livros para ler, devolve e troca por outro. A ideia veio daí e está diretamente ligada ao consumo consciente de moda, que faz parte do meu credo. Acredito MESMO que podemos fazer um uso mais inteligente das roupas que compramos de diversas formas:

1 – Comprando menos e usando mais cada peça.

2 – Comprando de marcas nacionais com produção local.

3 – Incentivando marcas que fazem uso de materiais naturais e recicláveis ou reciclados.

4 – Fazendo um descarte mais inteligente, levando em consideração reaproveitamento, a doação bem feita, a troca com amigos, o “share” entre grupos e etc. E é AQUI que entra o conceito da ROUPATECA.

 

Como funciona a Roupateca?

A Roupateca se intitula um guarda-roupa compartilhado porque tem um acervo variado de estilos e tamanhos, sapatos e acessórios de boa qualidade e disponibiliza este armário para assinantes.

Através de uma assinatura de 100 (1 peça), 200 (3 peças) ou 300 (6 peças), o assinante pode retirar  e trocar as peças quantas vezes quiser, bastando devolver lavado em perfeito estado.

O assinante pode ficar no máximo 10 dias com as peças. Ou seja, tem que trocar pelo menos 3 X por mês. Levando em consideração uma assinatura de 200, por exemplo, a pessoa vai usar durante o mês (no mínimo) 9 peças diferentes por um investimento de R$200,00 que não paga uma.

 

Porque eu acho legal assinar a Roupateca?

  • Você terá acesso a peças incríveis, que vão fazer a diferença, para misturar com o que você já tem no guarda-roupa.
  • Você poderá experimentar estilos e marcas que nunca usou por não querer investir o valor da peça sem ter certeza se usará.
  • Para eventos especiais, um jantar, uma festa, um coquetel, você tem a solução na mão, sem gastar nada a mais! E não precisará comprar uma peça que não usaria tanto depois.
  • Você definirá o valor da sua assinatura para colocar no seu planejamento mensal e terá acesso a muitas roupas legais sem onerar seu orçamento.
  • Você poderá trocar as peças todo dia, se quiser. Bastando devolver lavadinho.
  • É uma diversão sem limites ter um guarda-roupa maravilhoso a sua disposição : )

 

Vou usar 1 mês e mostrar tudo aqui!

Eu fiz a assinatura na sexta 01/04 e vou mostrar no instagram e aqui no blog como será a minha experiência como assinante. Peguei uma calça da A.Farra by Adriana Barra, uma camisa da Adriana Barra e um kimono da Bezourra.  A calça da foto lá em cima é Roupateca : )

Quem quiser conhecer, a Roupateca é parte da House of Bubbles e fica em Pinheiros, na Rua Virgílio de Carvalho Pinto, 61.  Siga @roupateca no instagram para saber mais.

Continue Reading

Estampas! Aprenda a usar tudo junto e misturado

mix estampas

Mix de estampas é um recurso delícia de usar o dia a dia. Tem gente que curte muito, tem quem não goste de se ver estampado e tem quem tenha medo ou um monte de dúvidas. Pra quem tem dúvidas e gosta é este post. Se você não sabe se gosta, vale ler, vai que muda de ideia e abre um novo universo a ser explorado!

 

O que vale saber sobre mix de estampas.

Existem várias formas para misturar estampas e se você conhecer um pouco destas modalidades, vai descobrir um moooonte de looks lá no seu guarda-roupa nunca antes usados. Algumas peças que nunca saíram juntas, vão virar melhores amigas : )

 

A sacada Principal

A primeira coisa que você tem que ver na hora de misturar estampas:   coloque as duas peças juntas e veja se uma delas se sobressai, salta mais aos olhos. Se as duas tiverem o mesmo peso e embaralharem o seu olhar, é menos recomendável. Tem quem goste mesmo assim, mas este é o caso de quem já é NINJA no assunto e segura tudo. Se você é iniciante, certifique-se que uma das estampas está sobressaindo e brilhando mais!

 

Como misturar em 4 lições:

1 – Repetição de Cores. Este é o mais fácil. Escolha peças com estampas diferentes e mesmo código cromático. Preto e branco por exemplo. Pode ser uma calça de zebra com uma blusa de bolinhas.

2 – Repetição de Estampas. Blusa de bolinha, com calça de bolona. Blusa xadrezinha com calça xadrezona. Neste caso vale checar se as cores conversam entre si e ter certeza que uma delas está sobressaindo mais que a outra.

3 – Mix de Temas. O tema é o tipo de estampa da roupa. Passarinhos, xadrez, listrado, cada um é um tema. Então você pode misturar temas: blusa de passarinhos com saia de borboletas. Blusa de bolas com calça xadrez. Coordenar as cores e checar qual se sobressai é importante.

4 – Tudo Neutro ou Tudo Colorido:  Aqui você vai usar cores diferentes mas com o mesmo peso visual. Uma blusa bege de listrinhas brancas com uma calça risca de giz mostarda faz um look monocromático claro. Uma preta de corujinhas cinza com uma calça preta xadrez com cinza faz um mix de estampas escuro.

Viu como é fácil? Você pode brincar de misturar estampas entre peças essenciais (saia e blusa) ou entre peças e acessórios (blusa e lenço no pescoço). Comece a explorar esta possibilidade que é um verdadeiro multiplicador de guarda-roupa! Vai por mim.

 

Mix de estampas é para qualquer estilo?

Bom, quem é super minimalista não vai gostar de andar todo estampado. Mas mesmo assim existe a possibilidade de explorar o miz de neutros e monocromáticos que são os mais elegantes e com menos informação visual. Então, avalie-se em frente ao espelho como você está se sentindo. Se o resultado for um sorriso, pode calçar o sapatinho e sair rebolando : )

Continue Reading